Custeamento das medidas judiciais: Direx cria o FEMJPró-sócios

Afisa-PR

Custeamento das medidas judiciais: Direx cria o FEMJPró-sócios

FEMJPró-sócios vem ao auxilio dos afisianos

 

Uniao informacao Afisa PR

 

A Diretoria Executiva (Direx) da Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) editou o Ato Normativo nº 4/2016, de 9 de setembro de 2016, que cria o FEMJPró-sócios – Fundo Emergencial para Medidas Judiciais Pró-Sócios em favor dos sócios regulares.

Leia mais:Custeamento das medidas judiciais: Direx cria o FEMJPró-sócios

Data-base: Afisa-PR critica intervenção da FAEP sobre os deputados estaduais

Afisa-PR

Data-base de 2017: Afisa-PR critica ação de setores da iniciativa privada sobre a ALEP

Setores da iniciativa privada, entre eles a FAEP, pediram e conseguiram que a ALEP suspendesse a data-base (reajuste geral anual) de 2017. O não pagamento desta data-base implica em real redução salarial de 8,53% em prejuízo do fiscal da defesa agropecuária. Afisa-PR contesta essa suspensão no Judiciário

 

Suspensao data base 2017 Gazeta do Povo

 

Com base na notícia Entidades empresariais pedem que deputados barrem aumento a servidores [A medida defende que a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que orienta o orçamento para 2017, congele a reposição salarial dos funcionários públicos do Paraná] (por Diego Antonelli) da Gazeta do Povo de 12 de julho de 2016, a Associação Comercial do Paraná, em conjunto com as entidades comerciais/empresariais/ruralistas Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), do Movimento Pró-Paraná, da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), do Instituto Democracia e Liberdade (IDL), do Sistema Ocepar [Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná], da Federação das Associações Comerciais e Empresarias do Paraná Faciap e da Associação de Produtores de Bioenergia do Estado do Paraná (Alcopar), em carta, solicitou (o obteve sucesso) que os deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (ALEP) suspendesse a concessão do Reajuste Geral Anual (RGA) de 2017 (8,53%) em benefício dos servidores do Poder Executivo do Paraná.

 

Ação da FAEP

Leia mais:Data-base: Afisa-PR critica intervenção da FAEP sobre os deputados estaduais

Os grandes desafios que envolvem a captura de morcegos hematófagos

Afisa-PR

Os grandes desafios que envolvem a captura de morcegos hematófagos

Paraná: falta quase tudo no controle dos morcegos!

 

Morcego Afisa PR

 

Os fiscais da defesa agropecuária e seus assistentes necessitam de treinamento para que sejam treinados a transitar em mata fechada, localização, escalar e descer em paredões, primeiros socorros, equipamentos comunicadores de alto alcance, cordas, equipamentos de escalada, roupas e calçados adequados, soro antiofídico, adrenalina, etc. Enfim, precisam ainda de quase tudo.

Como fiscal da defesa agropecuária do Paraná, escrevo o presente artigo para externar minha opinião e minha permanente preocupação com relação aos grandes riscos que todos os fiscais e seus assistentes, que realizam as revisões de abrigos de morcegos hematófagos e suas capturas, correm ao realizarem tal trabalho.

Leia mais:Os grandes desafios que envolvem a captura de morcegos hematófagos

Biênio 2014/2015: 5ª Câmara Cívil do TJ-PR mantém sentença favorável à Afisa-PR

Afisa-PR

Biênio 2014/2015: 5ª Câmara Cívil do TJ-PR mantém sentença favorável à Afisa-PR

Contra o arbítrio: fiscais da defesa agropecuária do Paraná têm direito à livre associação de classe!

 

Judiciario sentenca favoravel Afisa

 

A 5ª Câmara Civil do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (Apelação Cível e Reexame Necessário nº 1542067-6, do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, 4ª Vara da Fazenda Pública) manteve a sentença (Autos nº 0005774-56.2015.8.16.0004) em sede de reexame necessário favorável ao presidente da Afisa-PR - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná. O Acórdão publicado, que negou provimento à Adapar - Agência de Defesa Agropecuária e ao seu diretor presidente, tem como texto:

Leia mais:Biênio 2014/2015: 5ª Câmara Cívil do TJ-PR mantém sentença favorável à Afisa-PR

Triênio 2016/2018: Judiciário concede segurança definitiva em favor da Afisa-PR

Afisa-PR

Triênio 2016/2018: Judiciário concede segurança definitiva em favor da Afisa-PR

Não ao arbítrio: os fiscais agropecuários do Paraná têm direito à livre associação!

 

Judiciario mandato classita Afisa PR

 

O presidente da Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) obteve do Judiciário, em sentença de 1º grau, a segurança definitiva para que seja constitucionalmente afastado de seu cargo público para fins de pleno exercício de mandato classista.

O Judiciário, Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, Foro Central, Juízo da 4ª Vara da Fazenda Pública, a considerar:

 

"VISTOS, relatados e examinados estes autos nº 0000382-04.2016.8.16.0004 de Mandado de Segurança em que é impetrante Rudmar Luiz Pereira dos Santos e impetrado o Diretor Presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Paraná - ADAPAR", decidiu: "ANTE O EXPOSTO, forte no art. 487, I, do CPC/2015, dou por resolvido o processo com resolução de mérito. Consequentemente, em confirmação à liminar antes concedida, concedo definitivamente a segurança. Determino, pois, que se proceda ao afastamento do impetrante do exercício do cargo público, para desempenho do mandato de Presidente da AFISA-PR, para o triênio 2016/2018, à luz do art. 37, § 2°, da Constituição Estadual".

Leia mais:Triênio 2016/2018: Judiciário concede segurança definitiva em favor da Afisa-PR