NOTÍCIAS DA AFISA-PR

Santa Catarina proíbe modalidades de uso de agrotóxico que envenena abelhas

Afisa-PR

Santa Catarina proíbe modalidades de uso de agrotóxico que envenena abelhas

Uma resolução de diretoria da CIDASC proibiu "em todo território catarinense, para as modalidades de uso que envolvam aplicação foliar, a prescrição e a utilização dos produtos agrotóxicos que contenham em sua formulação" o princípio ativo fipronil

 

 

No começo deste ano uma investigação feita em território catarinense revelou que aproximadamente 50 milhões de abelhas morreram envenenadas por agrotóxicos à base do princípio ativo fipronil1 que é comercializado e usado nos cultivos de soja neste estado.

Dois anos e oito meses depois desse extermínio de abelhas, "Santa Catarina tornou-se o primeiro do Brasil a restringir o uso" dos agrotóxicos à base do princípio ativo fipronil.

Leia mais...

EUA proíbem o agrotóxico clorpirifós

Afisa-PR

EUA proíbem o agrotóxico clorpirifós

A EPA, finalmente, atendeu a "Petição para revogar todas as tolerâncias e cancelar todos os registros para o agrotóxico clorpirifós" de 12 de setembro de 2007

 

 

Uma notícia1 da Human Rights Watch (HRW) informa que a Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês, Environmental Protection Agency), em resposta a uma decisão do Tribunal de Apelações dos EUA para o Nono Circuito, proibiu o uso e o comércio nos EUA dos agrotóxicos à base do p. a. clorpirifós2,3.

A EPA atende a "Petição para revogar todas as tolerâncias e cancelar todos os registros para o agrotóxico clorpirifós" de 12 de setembro de 2007. A proibição nos EUA do p. a. clorpirifós  entrará em vigor daqui a seis meses.  

Leia mais...

A origem do SARS-CoV-2

Afisa-PR

A origem do SARS-CoV-2

China propõe estudo para descobrir a origem do SARS-CoV-2 em países com animais infectados pelo vírus

 


A China rejeita a proposta de trabalho de 2ª fase da Organização Mundial da Saúde (OMS) para rastrear a origem do vírus SARS-CoV-2, visto que ela "não se baseia nas evidências científicas coletadas no estudo de 1ª fase conduzido em conjunto por especialistas chineses e estrangeiros" em Wuhan, província de Hubei, no início deste ano. 

Leia mais...

Após quase 40 anos a mortal PSA retorna ao Continente Americano

Afisa-PR

Após quase 40 anos a mortal PSA retorna ao Continente Americano

Os casos foram detectados pelo programa de vigilância cooperativo entre os estadunidenses e a República Dominicana

 

 


Uma notícia do Pig Progress informa que após quase 40 anos, o mortal vírus da peste suína africana (v-PSA) apareceu na América Central, na República Dominicana. Ontem (28) o Departamento de Agricultura estadunidense (USDA, na sigla em inglês, Department of Agriculture) estadunidense — através do seu Serviço de Inspeção de Saúde Animal e Vegetal (APHIS, na sigla em inglês, Animal and Plant Health Inspection Service) — confirmou que o vírus da doença foi encontrado em amostras retiradas de suínos criados na República Dominicana. 

Os testes positivos representam a primeira detecção da PSA nas Américas em quase 40 anos. Os casos foram detectados pelo programa de vigilância cooperativo entre os estadunidenses e a República Dominicana.

Attachments:
Download this file (IN_150921_29072021.pdf)IN_150921_29072021.pdf[ ]621 kB
Download this file (IN_151732_03102021.pdf)IN_151732_03102021.pdf[ ]437 kB
Leia mais...

DESTAQUES DA AFISA-PR

Opinião da Direx: o cronograma do APL das carreiras e a greve por tempo indeterminado

Afisa-PR

Opinião da Direx: o cronograma do APL das Carreiras e a greve por tempo indeterminado

Deveriam ter fixado um prazo limite para que o governo [sic!] neoliberal em turno tomasse sua decisão sobre o APL das Carreiras em vez de reivindicarem um cronograma de tramitação  

 

                                                                  Direx 18 

 

A sistemática negação da revisão geral anual

O governo [sic!] neoliberal em turno sistematicamente nega a revisão geral anual — data-base — necessária para o congelamento (pois não se trata de aumento real) da remuneração do "menos igual" do executivo.

Segundo a notícia Governo estima orçamento de R$ 54,6 bilhões pra 2022 no Paraná do G1:

Leia mais...

Opinião da Direx: tem chance a proposta "salvacionista" pela "via negociada"?

Afisa-PR

Opinião da Direx: tem chance a proposta "salvacionista" pela "via negociada"?

Depois de quase três anos uma corrente de pensamento da proposta "salvacionista" pela "via negociada" apresentou sua reivindicação ao governo [sic!] neoliberal em turno 

 

 Direx 18

 

Uma corrente de pensamento da "via negociada" apresentou ao governo [sic!] neoliberal em turno sua proposta "salvacionista" que intenciona a "unificação de carreiras", nova "transformação de cargos públicos-enquadramento", novas "tabelas salariais" entre outras reivindicações no âmbito da fiscalização agropecuária pública do Paraná.

"Salvacionista", essa proposta — desejo! — reivindica a "solução de todos" os problemas que derivam da injusta e equivocada "política administrativa" levada a cabo pelo governo [sic!] neoliberal em turno em detrimento da fiscalização agropecuária pública do Paraná, mas a tendência é que acabe não resolvendo nenhum.  

Leia mais...

Opinião da Direx: os tardios decretos da promoção e da progressão

Afisa-PR

Opinião da Direx: os tardios decretos da promoção e da progressão

Os desenvolvimentos no âmbito da CFDA/QPA que "adquiriram direito" antes de 17 de dezembro de 2020

 

Direx 18

 

O governo [sic!] publicou na última quarta-feira (25) dois decretos implantando no âmbito da CFDA/QPA a progressão/promoção com direito adquirido (antiga legislação) no ano passado antes da publicação da Lei Complementar 231 de 17 de dezembro de 2020. (Alertamos que a nova legislação1 é draconiana e, doravante, não será fácil receber subsequentes promoção e progressão.)

 

Efeito financeiro

Leia mais...

Por quanto tempo resistirá...

Afisa-PR

Por quanto tempo resistirá...

... a área livre de febre aftosa sem vacinação?

 

 

Segundo uma notícia1 do O Paraná:

 

A entrada de animais de países vizinhos é muito comum em fronteira seca. No Paraná, o único país com fronteira seca é a Argentina, já que, com o Paraguai, há barreira natural (rios) que impede esse ingresso. Na região sudoeste do Estado, onde está essa fronteira, a entrada clandestina de bovinos da Argentina para o território paranaense tem causado preocupação das autoridades e por várias razões. Uma delas é que a Argentina ainda depende da vacinação contra a febre aftosa, o que pode pôr em risco o status sanitário do Paraná, reconhecido internacionalmente como área livre da doença sem vacinação. Mas, além disso, a entrada de animais de origem desconhecida pode trazer outras doenças tão ou mais severas e comprometer todo o rebanho estadual. 

Leia mais...

Opinião da Direx: e as crianças daqui, como ficam?

Afisa-PR

Opinião da Direx: e as crianças daqui, como ficam?

Essa é a realidade de um serviço que deveria ser público!

 

 Direx 18

 

Na matéria EUA proíbem o agrotóxico clorpirifós1 desta associação de classe:

 

"Durante esse tempo", escreveu o juiz Jed S. Rakoff em sua decisão de abril passado para o Nono Circuito ordenando que a EPA tomasse uma decisão final sobre a segurança do clorpirifós, "o flagrante atraso da EPA expôs uma geração de crianças (...) a níveis inseguros de clorpirifós".

 

E as crianças daqui, como ficam?

Leia mais...