NOTÍCIAS DA AFISA-PR

Transmissão zoonótica: o primeiro caso de H10N3

Afisa-PR

Transmissão zoonótica: o primeiro caso de H10N3

O caso do primeiro homem infectado pela gripe aviária H10N3

 

A Comissão Nacional de Saúde da China [National Healh Commission of the People's Republic of China, NHC na sigla em inglês) relatou na última terça-feira (1º) "a detecção do primeiro caso mundial de gripe aviária H10N3 em humanos na província oriental de Jiangsu"1.

 

 

A NHC informou que o homem infectado reside na cidade de Zhenjiang e que "começou a se sentir mal no dia 23 de abril, com sintomas que incluíam febre"2.   

Leia mais...

Agrotóxicos: determinadas bulas disponibilizadas no Agrofit apresentam erros de português

Afisa-PR

Agrotóxicos: determinadas bulas disponibilizadas no Agrofit apresentam erros de português

Os agrotóxicos são obrigados a exibir bulas aos agricultores redigidas em português

 

Conforme o art. 3º da Lei 7.802/1989 os agrotóxicos, entre outras obrigações, só podem ser comercializados e utilizados, se previamente registrados nos órgãos federais responsáveis pelos setores da saúde, do meio ambiente e da agricultura.

Uma rápida pesquisa (realizada de forma aleatória) da Afisa-PR constatou que certas bulas1 de agrotóxicos registrados, disponibilizadas (consulta aberta) no banco de informações do Sistema de Agrotóxicos Fitossanitários (Agrofit), contêm erros de português:

Leia mais...

Rússia confirma o primeiro caso de infecção humana pelo vírus H5N8

Afisa-PR

Rússia confirma o primeiro caso de infecção humana pelo vírus H5N8

Segundo o serviço de saúde (Rospotrebnadzor) da Rússia este é o primeiro caso confirmado no mundo de infecção humana pelo vírus da gripe aviária A (H5N8)

 

Pelo menos sete empregados de uma granja avícola no sul da Rússia foram diagnosticados com um novo tipo de gripe aviária

 

 

A responsável pelo serviço de saúde (Rospotrebnadzor) da Rússia, Anna Y. Popova, disse que trata-se do primeiro caso confirmado no mundo de infecção humana pelo vírus da gripe aviária A (H5N8), conforme a notícia Rusia reporta los primeros casos del mundo de gripe aviar H5N8 en humanos da RT de 20 de fevereiro de 2021.

Leia mais...

O uso de vacinas ilícitas e o surgimento de novas variantes do v-PSA

Afisa-PR

O uso de vacinas ilícitas e o surgimento de novas variantes do v-PSA

Peste suína africana (PSA): o aparecimento de novas variantes pode ser um contratempo para a China que se recupera de uma devastadora epidemia de PSA

 

Fontes ligadas à indústria de animais, novas variantes do vírus da peste suína africana (v-PSA) foram identificadas em suínos da China e podem ter como origem o uso de vacinas ilícitas. O aparecimento de novas variantes pode ser um contratempo para a China (o maior produtor de suínos do mundo) que se recupera de uma epidemia causada pela doença.

 

 

Leia mais...

DESTAQUES DA AFISA-PR

Por que não foi feito quando podia ser feito? 

Afisa-PR

Por que não foi feito quando podia ser feito? 

A categoria acabou perdendo o bonde!  

 

Afisa PR 18

 

Aos "esquecidos":

Suscitamos novamente duas importantíssimas reivindicações corretivas que no passado foram sumariamente negadas: (Que à época tivessem sido acolhidas seguramente hoje a categoria não estaria em situação tão adversa de desvalorização profissional com injustiça remuneratória.):

 

A primeira negativa!

Leia mais...

A dupla "economia" prejudicial

Afisa-PR

A dupla "economia" prejudicial

Uma dupla "economia" que impacta negativamente tanto o subsídio do ativo quanto o provento do aposentado

 

A "política" administrativa do governo neoliberal em turno impõe a negação do reajuste geral anual (data-base). Esta negação implica não somente na redução do valor do subsídio do fiscal agropecuário do estado, visto que impacta também o direito à paridade que sobreviveu à draconiana "reforma" previdenciária (aprovada em uma única tarde por 43 parlamentares governistas no legislativo) que derivou na Emenda Constitucional 45 de 4 de dezembro de 2019.

A emenda em questão permite duas condições de proventos de aposentadoria: a) correspondentes a 100% da remuneração do cargo efetivo ou b) 100% da média, respectivamente, para o fiscal agropecuário do estado com ingresso até 31 de dezembro de 2003 (que também tem direito à paridade depois de cumprir um astronômico pedágio criado de 100%) e 4 de dezembro de 2019.  

Leia mais...

A falta da data-base: a realidade se impõe

Afisa-PR

A falta da data-base: a realidade se impõe

A LDO 2022- PLDO 162/2021, ao não prever a data-base em maio de 2022, antecipa mais um calote salarial


Há muito alertamos (na fracassada tentativa de despertar os enganados, desinformados e iludidos) que o maior de todos os nossos problemas do fiscal agropecuário do Paraná (pois é inútil "ter a melhor das carreiras" se não há reposição anual de subsídio!): a negação sistemática — com o auxílio do Judiciário - RE 565089 — pelo (des)governo neoliberal do pagamento do constitucional reajuste geral anual1,2 (ou data-base).

Essa negação, "elevada" à condição de "política de governo" em gravíssimo prejuízo, não apenas da população dependente de um bom estado público capaz de prestar serviços coletivos decentes, mas também dos nossos justos e legítimos interesses, visto que esse descaso implica real redução salarial, algo inaceitável, pois empobrece todos os servidores (inclusive os aposentados) vinculados ao que se convencionou chamar de "executivo".

Leia mais...

Opinião da DIREX: a realidade se impõe

Afisa-PR

Opinião da DIREX: a realidade se impõe

A ausência de urgentes ações concretas e radicais capazes de forçar o governo a se mover e de criar uma alavanca objetiva que salve o que ainda é possível, significa estagnar a CFDA e entrar no beco sem saída

 

Direx 18

 

Transcendidos as jactâncias e os personalismos politicistas de ontem, o dia seguinte requer que os interessados conscientes aprofundem sua reflexão crítica da realidade que impacta negativamente a CFDA:

A realidade revela o achismo ilusório de que a condição de área livre de febre aftosa sem vacinação (assim como qualquer outro serviço) — um êxito não pleno, visto que a contraparte pública, que labora no campo e garante o longo prazo, é injustiçada —  seria "deflagradora de imediata" valorização profissional com justiça remuneratória na CFDA.

Leia mais...

Legislação proíbe alterar estrutura de carreira que implique aumento de despesa

Afisa-PR

Legislação proíbe alterar estrutura de carreira que implique aumento de despesa

Reajuste salarial, adequação de remuneração, alteração de estrutura de carreira que implique aumento de despesa etc.: proibições válidas até 31 de dezembro de 2021

 

Alguns fiscais agropecuários do estado, ao invés de cuidarem da própria carreira (conquistada depois de quase dez anos de esforço por parte desta associação de classe), parece que se preocupam mais com a ["para já"?!] "prometida" "unificação" de carreiras alheias no sistema estadual de agricultura.

Porém, eles se esquecem dos termos restritivos (art. 8º1) da Lei Complementar 173/2020 (que "estabelece o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus SARS-CoV-2 (Covid-19)", "altera a Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000" etc.): 

Leia mais...