Quem perdeu mais? O outro lado da moeda da suspensão do reajuste salarial de 2017

Afisa-PR

Quem perdeu mais? O outro lado da moeda da suspensão do reajuste salarial de 2017

A pressão comercial & ruralista pela suspensão do reajuste

 

 

Segundo a notícia Entidades empresariais pedem que deputados barrem aumento a servidores [A medida defende que a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que orienta o orçamento para 2017, congele a reposição salarial dos funcionários públicos do Paraná] (por Diego Antonelli) da Gazeta do Povo de 12 de julho de 2016, a Associação Comercial do Paraná, em conjunto com as entidades comerciais/empresariais/ruralistas Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon), do Movimento Pró-Paraná, da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), do Instituto Democracia e Liberdade (IDL), do Sistema Ocepar [Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná], da Federação das Associações Comerciais e Empresarias do Paraná Faciap e da Associação de Produtores de Bioenergia do Estado do Paraná (Alcopar), em carta, solicitou (o obteve sucesso) que os deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (ALEP) suspendesse a concessão do Reajuste Geral Anual (RGA) de 2017 (8,53%) em benefício dos servidores do Poder Executivo do Paraná.

MPPR instaura Inquérito Civil para investigar realocações de fiscais agropecuários

Afisa-PR

MPPR instaura Inquérito Civil para investigar realocações de fiscais agropecuários 

A representação anônima, segundo informações, baseou-se no conteúdo da carta 27-Afisa-PR junto à CGE 

  

A Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) já tinha tomado conhecimento de que o Ministério Público do Estado do Paraná (MP-PR) fora informado, através de representação anônima, sobre a ocorrência de possível desvio de finalidade nas portarias de realocações contra fiscais agropecuários do estado.

Attachments:
Download this file (PORT0046160990381201611081010.pdf)PORT0046160990381201611081010.pdf[ ]30 kB

Análise da Direx: calote salarial no atacado

Afisa-PR

Análise da Direx: calote salarial no atacado

RGA de 2017: sem reajuste, 1% de aumento real e data-base?

   

A Casa Civil do governo, através do expediente OF CEE/CC 3355/16, segundo informação de Marlei Fernandes de Carvalho, coordenadora do Fórum das Entidades Sindicais dos Servidores Públicos Estaduais (FES), "determinou à Liderança do Governo na Assembleia Legislativa" a suspensão "da Mensagem nº 43/2016, que veicula emenda que altera dispositivos da Lei de Diretrizes Orçamentárias – LD".

Triênio 2016/2018: Judiciário do Paraná libera mais dois diretores em favor da Afisa-PR

Afisa-PR

Triênio 2016/2018: Judiciário do Paraná libera mais dois diretores em favor da Afisa-PR

Os fiscais agropecuários do Paraná têm direito constitucional à livre associação!

  

O Judiciário do Estado do Paraná, Comarca da Região Metropolitana de Curitiba - Foro Central, 3ª Vara da Fazenda Pública, através dos Autos n. 0003067-81.2016.8.16.0004, concedeu Sentença em favor da liberação de mais dois diretores em favor da  Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR), conforme determina a Constituição do Estado do Paraná, art. 37, § 2º.

Custeamento das medidas judiciais: Direx cria o FEMJPró-sócios

Afisa-PR

Custeamento das medidas judiciais: Direx cria o FEMJPró-sócios

FEMJPró-sócios vem ao auxilio dos afisianos

  

A Diretoria Executiva (Direx) da Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) editou o Ato Normativo nº 4/2016, de 9 de setembro de 2016, que cria o FEMJPró-sócios – Fundo Emergencial para Medidas Judiciais Pró-Sócios em favor dos sócios regulares.