Servidores da defesa agropecuária do Paraná apresentam a pauta de reivindicações da categoria

Afisa-PR

Servidores da defesa agropecuária do Paraná apresentam pauta de reivindicações da categoria

Dirigentes comissionados de livre nomeação do governo Richa não negociaram uma única vírgula da pauta reivindicatória apresentada pelos servidores da defesa agropecuária

 

Afisa PR 16 JPEG

 

Os servidores da defesa agropecuária do Paraná, com base na decisão unificada tomada nas Assembleias Gerais Regionais (AGRs) realizadas na maioria das regiões (Apucarana, Campo Mourão, Cascavel, Cornélio Procópio, Francisco Beltrão, Guarapuava, Ivaiporã, Irati, Maringá, Ponta Grossa, Pato Branco, Paranaguá, Paranavaí e Toledo), protocolaram a pauta de reivindicações da categoria junto à direção da autarquia de fiscalização agropecuária do estado.

A comissão de negociação instituída pelos servidores concedeu o prazo máximo e improrrogável até 30 de abril de 2015 para que a direção do órgão responsável dê satisfação às reivindicações da categoria, ou apresente contraproposta, ou solicite a abertura de negociações.

Afisa-PR protocolou propostas que visam melhorar a defesa agropecuária do Paraná

Afisa-PR

Afisa-PR protocolou propostas que visam melhorar a defesa agropecuária

Governo Richa, diante de reiterada contrariedade manifestada pelo seus comissionados na autarquia de fiscalização agropecuária, não acatou nenhuma das propostas apresentadas pela Afisa-PR que visavam aperfeiçoar os serviços e proporcionar justiça remuneratória em favor do  fiscal agropecuário do Paraná

 

Afisa PR 16 JPEG

 

Atenção!

O governo estadual em turno, sugestionado pelos seus dirigentes de confiança na fiscalização agropecuária, não acatou nenhuma das propostas apresentadas pela Afisa-PR que visavam o aperfeiçoamento da defesa agropecuária do Estado do Paraná - veja a resposta da Casa Civil às reivindicações da Afisa-PR.

A Afisa-PR - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná protocolou documento intitulado Propostas à Defesa Agropecuária Tutelada pelo Poder Público do Estado do Paraná junto ao governo (sic) Richa, o qual  abrange as seguintes questões:

Attachments:
Download this file (Propostas da Afisa-PR.pdf)Propostas da Afisa-PR.pdf[ ]1646 kB

Reajuste das taxas de fiscalização: medida inócua sem que sejam integralmente utilizadas no reparelhamento da fiscalização agropecuária

Afisa-PR

Reajuste das taxas de fiscalização: medida inócua sem que sejam integralmente utilizadas no reparelhamento da fiscalização agropecuária

É urgente também que a cobrança das taxas de fiscalização agropecuária seja satisfatoriamente informatizada (e para suprir essa inaceitável deficiência o fiscal da defesa agropecuária foi transformado em "cobrador")

  

Segundo a notícia Governo do Paraná quer reajustar taxas de defesa agropecuária, da Gazeta do Povo de 8 de dezembro de 2014, o governo estadual encaminhou proposta à Assembleia Legislativa do Estado Paraná (ALEP) a solicitar o reajuste das taxas cobradas pela autarquia de fiscalização agropecuária.

Afisa-PR requer imediato serviço de especialização na defesa agropecuária do Paraná

Afisa-PR

Afisa-PR requer imediato serviço de especialização na defesa agropecuária do Paraná

Os gestores comissionados do governo Richa nomeados para a fiscalização agropecuária não deram  satisfação à reivindicação da Afisa-PR em benefício do desenvolvimento do fiscal da defesa agropecuária em sua carreira

 

Afisa PR 16 JPEG

 

No dia 15 de abril passado, a Afisa-PR - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná protocolou requerimento administrativo (anexado) à autarquia de defesa agropecuária a requerer imediata implantação do serviço de especialização em gestão em defesa agropecuária, nas áreas de vigilância de defesa sanitária vegetal, vigilância e defesa sanitária animal e inspeção de produtos de origem animal, em parceria com a Escola de Governo do Paraná & universidades, em benefício do desenvolvimento na carreira do fiscal da defesa agropecuária.

Promessas de campanha...

Afisa-PR

Promessas de campanha...

Foram cumpridas a contento? Entre outras providências, é urgente a adoção de uma política salarial justa em favor do fiscal da defesa agrocuária, pois os atuais subsídios de início de carreira são fatores limitantes, visto que impedem a formação de quadro profissional adequado, qualificado, estável e permanente.

  

Segundo a notícia Prometeu tem que cumprir da Gazeta do Povo de 5 de outubro de 2014, as promessas de campanha do governador de plantão para a agricultura e agronegócio, são:

 

Prometeu tem que cumprir

Agricultura e Agronegócio

Garantir o Paraná como área livre de febre aftosa sem vacinação e de peste suína clássica até 2017.

Dobrar o número de Patrulhas do Campo para recuperação de estradas rurais.

Atender a 40 mil agricultores, por ano, com o Programa do Calcário.

Ampliar o quadro técnico da Agência de Defesa Agropecuária (Adapar).