Afisa-PR

Afisa-PR alerta deputados sobre os efeitos danosos da inconstitucional e ilegal privatização de parte da fiscalização de produtos de origem do PR

Nenhum dos deputados estaduais alertados deu qualquer satisfação à carta circular da Afisa-PR

 

Imagem terceirização inspeção produtos origem animal

 

A Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR), mediante carta circular, alertou os deputados estaduais Anibelli Neto, Requião Filho e Tadeu Veneri, sobre os efeitos danosos da ilegal e inconstitucional privatização de parte da inspeção de produtos de origem animal do Estado do Paraná.

Com essa medida, a Afisa-PR espera que os parlamentares que atuam em oposição ao governo estadual em turno se interessem pela gravíssima situação da ilegal e inconstitucional privatização de parte da inspeção de produtos de origem animal em prejuízo da segurança alimentar da população paranaense. 

Modificado em 14-1-2019 em 19:02

 

Matéria vinculada: 

26-10-2018 - Associação dos Fiscais da Defesa Agropecuária do Estado do Paraná (Afisa-PR) & Segurança alimentar: alimentos inseguros custam US$ 110 bilhões por ano aos países de baixa e média renda [Estudo do Banco Mundial: seu economista agrícola líder e co-autor do estudo, Steven Jaffee, afirmou que os governos dos países de baixa e média renda — caso do Brasil, citado nesse estudo — precisam ser mais inteligentes para investir em segurança alimentar e monitorar o impacto das intervenções que fazem & Food security: Unsafe food costs US $110 billion per year to low and middle-income countries & World Bank Study: it´s leading agricultural economist and co-author, Steven Jaffee, said the governments of the low-and middle-income countries — the case of Brazil, cited in this study — need to be smarter to invest in food security and Monitor the impact of interventions that make]

Attachments:
Download this file (Carta circular.pdf)Carta circular 2-Afisa-PR/2016[INSEGURANÇA ALIMENTAR & Desgoverno do Paraná & Ilegal privatizaão de parte da inspeção oficial de produtos de origem animal...]881 kB